Physical Therapy - Ostheopaty - Global Postural Reeducation

Physical Therapy, Ostheopaty, Global Postural Reeducation

junho 27, 2014

Osteopatia em bebés - é seguro?

O medo associado ao desconhecido é um sentimento recorrente. A maioria das pessoas associa a Osteopatia às manipulações com thrust, vigorosas, sonoras, o típico "estalar" ossos. Se a Quiropraxia é basicamente isso, na Osteopatia este tipo de manipulações são apenas o príncipio de uma abordagem muito mais ampla.

A Osteopatia em bebés não utiliza este tipo de manipulações. As técnicas são todas muito suaves e a pressão exercida pelo profissional é mínima. Após a primeira sessão os pais percebem que é uma terapia segura e que não há espaço para receios.

A Osteopatia para bebés é muito menos agressiva, se é que esta palavra se pode utilizar neste contexto, que a tão reconhecida e eficaz Fisioterapia respiratória/Cinesioterapia respiratória.

A maioria da intervenção decorre ao nível do crânio. Em grande parte dos tratamentos os bebés choram simplesmente pelo facto de não gostarem que um estranho lhes toque a cabeça, uma parte do nosso corpo tão especial. Como não conseguem ver o que se está a passar "lá em cima" ficam desconfiados. Contudo também há bebés que ficam tranquilos a brincar com os pais, ou mesmo que se deixam dormir.

E após este texto continua com dúvidas ou receios, pergunte. AllFisio responde.


junho 19, 2014

Quando encaminhar um bebé para osteopatia?

Os bebés com as patologias/sintomas abaixo discriminados beneficiam de tratamentos de Osteopatia:
- Plagiocefalia (alterações da forma do crânio, assimetrias)
- Torcicolo congénito
- Refluxo gastro esofágico
- Obstrução do conducto lacrimal
- Cólicas
- Patologia respiratória/pulmonar
- Hiperactividade
- Otites frequentes
- Choro prolongado

- Alterações do sono

Osteopatia em bebés

"Se querem melhorar realmente a qualidade de vida das pessoas aprendam a tratar bebés"


Foi esta a frase que me guiou através do meu percurso de formação e me ajudou a orientar a minha formação.

A Osteopatia é uma abordagem de diagnóstico muito completa que se baseia num conhecimento profundo da anatomia, fisiologia e biomecânica do corpo. Procura restabelecer a mobilidade, intervindo em disfunsões estruturais, crânio-sacras e viscerais.
A Osteopatia em bebés visa prevenir alterações que possam por exemplo ter origem nas compressões a que o bebé está submetido na sua vida intra-uterina e no parto, em particular no parto instrumental.

As técnicas utilizadas nos bebés são muito suaves, respeitando a sua frágil estrutura. A grande percentagem do trabalho realizado é a nível craniano.

Quanto mais precoce o tratamento melhores os resultados esperados. Os bebés podem ser encaminhados após os 15 dias/1 mês de vida.