Physical Therapy - Ostheopaty - Global Postural Reeducation

Physical Therapy, Ostheopaty, Global Postural Reeducation

julho 15, 2010

Curiosidades do Sistema Digestivo

A vida não vem com um manual de instruções. Cada um vai escrevendo o seu manual, vivendo, errando, caindo e levantando-se. Não há muita volta a dar e o sofrimento é inerente à aprendizagem. Da mesma forma o meu blog não procura dar receitas mas pontos de reflexão para percebermos melhor o nosso corpo. Pontos de partida para um caminho que podemos ou não escolher fazer.
Em alguma altura da vida um profissional de saúde acaba por se sentir um pouco "papagaio" ou um pregador no deserto. Damos tanta informação sobre conselhos a seguir, alterações nos hábitos, nas rotinas, nos gestos. Alguns doentes são mais disciplinados e lá vão tentando, outros... De qualquer forma a mudança é um desafio para toda a vida, e um processo muito lento, mesmo para quem empenhadamente mergulha nele. Eu, na primeira pessoa, compreendo a dificuldade.
Hoje convido-vos a pensar sobre o vosso sistema digestivo e sobre as atrocidades que lhe fazemos. Não seremos nós aquilo que comemos? Cada vez me deparo mais com pessoas com distúrbios alimentares, o que me deixa sempre um pouco receosa na hora de falar neste tema, mas é importante, por isso tem de ser falado. Mais do que sob o ponto de vista estético temos de pensar na nossa dieta alimentar enquanto caminho para a saúde. A comida permanece no estômago 3 a 6 h. Assim, é fundamental que não deixemos passar esse intervalo sem ingerir alguma comida. Para os cuidadores dos nossos queridos velhinhos, é fundamental explicar a estas pessoas que a fome nem sempre tem uma relação directa com a necessidade de alimento e que por vezes não sentimos fome, nem sede e o nosso corpo necessita desesperadamente de comida e água. É importante fazer chegar esta informação aos nossos avós. Todas os dias passam por mim anciãs lindas que dizem ter perdido o apetite. Temos, de uma forma carinhosa, que passar a ideia de que é normal que exista uma diminuição no apetite, mas têm mesmo de continuar a comer. 
Atenção à ingestão de líquidos. Nesta altura do Verão muitas pessoas de idade são internadas por desidratação.
Agora está na moda o uso de glucosamina nas artroses, para estimular a produção de uma substância que faz parte das cartilagens. A reflexão que me propuseram um dia foi, será que uma refeição de 5 em 5 horas não promove o aporte de glucosamina, em quantidades mais significativas do que numa toma diária? Uma das medidas de prevenção das artroses e de promoção da saúde do osso é uma dieta equilibrada. Como todos já sabem, pouca comida muitas vezes ao dia.
Quem pretende tornar-se vegetariano não se esqueça que a vitamina B12 apenas entra no nosso organismo através da carne e do peixe. É o único suplemento obrigatório para todos os vegetarianos. Sobre os demais terão de controlar com análises de rotina constantes.
E para terminar este tópico de curiosidades falo sobre um tema que se fosse no século passado poucos dariam créditos, hoje em dia mais pessoas começam a aceitar. Para os chineses e outros autores que terapeuticamente abordam a parte visceral, o estômago tem um arquétipo masculino, representa a nossa necessidade de reconhecimento social, a nossa responsabilidade social. É muito frequente aparecerem disfunções quando esta é posta em causa e muito frequentemente no homem. Quantos e quantos canalizam o stress para o estômago em momentos que sentem o seu papel social a ser afectado. Por sua vez o intestino representa um arquétipo feminino e traduz o controle, a necessidade de controle da nossa vida. É tão frequente ver senhoras com síndrome de cólon irritável, em fases da vida que perderam o controle dos acontecimentos. Deixo para reflexão. Deixo para que relacionem com o que vêem, com o que sentem. Para mim faz sentido, vejo-o diariamente nos meus pacientes, nos que me vão estando próximos. 
O que pensam os meus amigos sobre o assunto? Sim, sim, também quero ouvir aquelas vozes cépticas, na maioria das vezes masculinas... :-)

julho 12, 2010

Vacina contra o tétano

Hoje escrevo sobre um tema de saúde geral, porque a fisioterapia e a osteopatia promovem a qualidade de vida, mas sem vida não pode haver qualidade.

Durante a infância e adolescência o plano de vacinação é cumprido na medida em que sem as vacinas em dia não é possível fazer matrícula nas escolas. Contudo, terminando a vida escolar, os boletins de vacinas, muitas vezes muito bem guardados em gavetas e caixinhas que nunca abrimos vão amarelecendo, e as vacinas são esquecidas. Vamos de férias para o estrangeiro, fazemos todas as vacinas estranhas mas estamos em atraso no óbvio. 

O tétano é uma doença muito grave e com uma baixa taxa de sobrevivência! De 10 em 10 anos deverá fazer um reforça da vacina, durante toda a vida.
Gastam-se milhões em investigação de novas vacinas, novos medicamentos, novos exames complementares. Passamos horas a "refilar" com o sistema nacional de saúde, mas depois não estamos atentos aos cuidados básicos, que só de nós dependem.
Não deixe para amanhã. Consulte já hoje o seu boletim de vacinas e corra para o seu Centro de Saúde.

julho 08, 2010

Perguntas e Respostas

Por vezes iniciamos pelo mais complexo sem desmontar o simples.
Hoje vou tentar colocar-me no lugar da população em geral e responder a questões simples, que fazem toda a diferença. Mais do que denunciar um sistema que se mantém vivo porque se auto alimenta, porque a todos interessa, tentarei encaminhar quem procura um serviço de qualidade. Sim, vou chocar e dizer o que tem de ser dito. Quem quiser que prove o contrário.

Onde devo fazer fisioterapia?
Esqueça as clínicas que têm acordo com a "Caixa". Deixam muito a desejar, fazem tudo menos fisioterapia. Quem é o culpado? O Estado porque paga mal e por isso não se dá ao trabalho de perceber o que é a fisioterapia; as clínicas porque ainda fazem acordos com o Estado. Interessam a quem não procura cuidar-se mas viver de subsídios e a quem quer a reforma antecipada.
Quem tem ADSE ou outro subsistema de saúde procure um serviço a sério. No final será comparticipado com parte do valor. Só terá de entregar a burocracia toda que eles pedem. Informe-se. Para mais pormenores procure na internet, pergunte na clínica ou escreva-me um e-mail. Poupará dinheiro, tempo e ganhará saúde!

Existem fisioterapeutas especialistas?
Formalmente não, mas os fisioterapeutas acabam por direccionar as suas formações nesse sentido. Quem quer trabalhar em todas as áreas não faz de certeza um bom trabalho. Alguém que trabalha há 10 anos na área da neurologia não sabe fazer um trabalho especializado em ortopedia e vice-versa. Procure fisioterapeutas especialistas.

Como sei se estou a ser bem tratado?
Facilmente perceberá através dos resultados e de toda a envolvência, contudo fica uma dica, se o seu tratamento, no total, demora menos de 30 minutos desconfie. Se faz sempre as mesmas coisas e nem é visto pelo profissional, informe-se, questione, seja exigente no que concerne a sua saúde.

Preciso de fazer tratamentos, onde devo recorrer?
Quando vamos a um médico, escolhemos uma escola para os filhos ou compramos um bolo de aniversário, falamos com os amigos e procuramos referências positivas. Porque não o fazemos com a fisioterapia? Porque colocamos a nossa saúde nas mãos de alguém antes de falar com alguém que conheça o espaço. Informe-se junto de outros profissionais. Se se encontra em Lisboa, Santarém ou Algarve pode sempre pedir-me uma opinião.
Se procura um profissional para realizar tratamentos de RPG pode recorrer aos sites: http://www.itg.com.pt/ ou http://reeducacaoposturalglobal.blogs.sapo.pt/
O futuro desta área depende da exigência dos seus utentes. Como na televisão, quem determina o rumo dos acontecimentos são as audiências. Dê uma oportunidade ao seu corpo e a quem quer fazer um bom trabalho.

Boas escolhas.